sábado, 2 de novembro de 2013

Cruzes



Cruzes
(Lola)

Cruzes
À beira da estrada
Mostram que a vida
Não é de nada
Nas estradas

Desta vida.

5 comentários:

  1. Oi Lola
    Falou pouco e disse tudo.
    Um beijo
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  2. se calhar é isso mesmo.
    nada...a isso se reduz uma vida.
    boa semana.
    beijo

    :)

    ResponderExcluir
  3. A vida vale mesmo pouco.
    Mas é a que temos...
    Belo poema, gostei.
    Tal como outros que li mais abaixo.
    Um beijo, Louraini.

    ResponderExcluir
  4. Vale tão pouco, na verdade...

    Curto e direto. Gostei!

    Bom inicio de semana

    Beijo

    Sónia

    ResponderExcluir

Oiiii! Que bom que estás aqui comigo. Valeu!

Oiiii! Que bom que estás aqui comigo. Valeu!
Muito obrigada pela visita. Volta!